Um Guia Básico do Budismo: Vegetarianismo

Os budistas deveriam ser vegetarianos, não deveriam?


Não necessariamente. O Buda não era vegetariano. Ele não ensinou seus discípulos a serem vegetarianos e ainda hoje, há muitos bons budistas que não são vegetarianos.

Mas se você come carne você é indiretamente responsável pela morte de uma criatura. Isso não é quebrar o primeiro preceito?

É verdade que quando você come carne, você é indiretamente e parcialmente responsável pela morte de uma criatura, mas o mesmo é verdade quando você come vegetais. O agricultor tem de pulverizar a sua cultura com insecticidas e venenos para que os legumes cheguem aos seus pratos sem buracos. E mais uma vez, animais foram mortos para fornecer o couro para o seu cinto ou bolsa, óleo para o sabonete que você usa e mil outros produtos também. É impossível viver sem, de alguma forma, ser indirectamente responsável pela morte de alguns outros seres, e este é apenas mais um exemplo da Primeira Nobre Verdade, a existência comum é sofrimento e insatisfatória. Quando você toma o Primeiro Preceito, você tenta evitar ser diretamente responsável pela morte de seres.

Budistas maayana não comem carne.


Isso não é correto. O Budismo Mahayana na China colocou grande ênfase em ser vegetariano, mas tanto os monges e leigos da tradição Mahayana no Japão e no Tibete geralmente comem carne.

>

>>
Mas eu ainda acho que um budista deveria ser vegetariano.


Se houvesse uma pessoa que fosse um vegetariano muito rigoroso, mas que fosse egoísta, desonesto e mau, e outra pessoa que não fosse vegetariana, mas que fosse atenciosa com os outros, honesta, generosa e bondosa, qual destes dois seria o melhor budista?

>
A pessoa que era honesta e bondosa.

>
Porquê?

>
Porque tal pessoa obviamente tem um bom coração.

>>
Exatamente. Quem come carne pode ter um coração puro assim como quem não come carne pode ter um coração impuro. Nos ensinamentos de Buda, o importante é a qualidade do seu coração, não o conteúdo da sua dieta. Muitos budistas tomam muito cuidado para nunca comer carne, mas não se preocupam em ser egoístas, desonestos, cruéis ou ciumentos. Eles mudam sua dieta, o que é fácil de fazer, enquanto negligenciam mudar seus corações, o que é uma coisa difícil de fazer. Portanto, seja você vegetariano ou não, lembre-se que a purificação da mente é a coisa mais importante no Budismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.